quarta-feira, 28 de novembro de 2012


 



=  José Albano Cid de Ferreira Tavares



  


Uns gostam , e há mesmo os que não gostam.
Eu gosto.
Habituei-me a ouvir as suas músicas, digamos que namorei ao som de alguma delas.
Admiro-o como músico, autor , e interprete das suas próprias canções, até mesmo da sua irreverência.
Iniciou a sua carreira em 1956, tem 70 anos, e na minha opinião , é como o vinho do Porto “ quanto mais velho melhor”.


3 comentários:

Pérola disse...

Fica na história da música popular portuguesa, com toda a certeza.
É conhecido mesmo pelos que dizem não gostar.

Beijinho

Maria disse...

Humm, confesso que não é dos meus cantores favoritos e desde que apareceu todo nu apenas com um disco a tapar-lhe "as partes" que o considero um pouco excêntrico, mas gosto muito daquela música" vêm viver a vida amor, que o tempo que passou, não volta não. Sonhos que o tempo apagou, mas para nós ficou esta canção." :))

bjs Arco Iris.

estrela disse...

eu também gosto do José Cid....sei a música da Cinderela de cor....
:)