quarta-feira, 13 de março de 2013


IR A ROMA E NÃO VER O PAPA

Foi o que me aconteceu ainda no Pontificado de João Paulo II , na realidade as chances de ver o Papa são limitadíssimas.
Mas visitar o Vaticano , deslumbrar-me com todas aquelas Obras de Arte é algo que não vou esquecer e, depois visitar  Roma, uma Cidade encantadora e com muitíssima história , foi sem dúvida uma viagem para recordar.
De olhos postos na chaminé da Capela Sistina, muitos Católicos e não só, aguardam o fumo branco anunciando  a eleição de um novo Papa.
Que seja alguém  capaz de dar ao Mundo e à Igreja, respostas adequadas aos desafios de HOJE.

4 comentários:

Maria disse...

Humm, como católica não particante sito-me um pouco "desligada" das notícias sobre o novo Papa outro dia ouvi alguém dizer na tv, que se o novo Papa viesse anunciar que autorizava os divórcios, os casamentos entre pessoas do mesmo sexo e aconcelhava o uso do preservativo voltaria a ser católico eu diria isso tudo e ainda acrescentaria que no dia em que a igreja católica prescindisse de todas as riquezas que têm acumulado ao longo dos anos e as desse aos pobres eu voltaria de facto a ser católica e praticante. Jesus não usava Prada nem vestia ouro.
Desculpe este desabafo.

bjs

Tanita disse...

Adorei Roma e o Vaticano.
Bj**

Pérola disse...

Aguardemos.

A Igreja bem precisa de novo rumo...

Beijinho

estrela disse...

vai ser de certeza um bom Papa o que eles escolheram eu tenho fé neste!